Andreia Carvalho | oboé barroco

Nasceu no Porto em 1981, tendo iniciado os estudos musicais no Conservatório de Música do Porto, no qual concluiu o Curso Complementar de Oboé. Participou em várias masterclasses com os oboístas Ricardo Lopes, Alex Klein, Stefan Schilli e Diethelm Jonas.

Realizou concertos com várias orquestras, tais como a Orquestra de Sopros e Orquestra Clássica do Conservatório de Música do Porto, Orquestra de Jovens do Concelho de Santa Maria da Feira (dirigida pelos maestros Paulo Martins e Osvaldo Ferreira), Orquestra “Sine Nomine” (dirigida pelo maestro Cónego Ferreira dos Santos) e Orquestra da Fundação Conservatório Regional de Gaia.

É mestre pela Escola Superior de Educação Jean Piaget no Curso de Ensino de Música no Ensino Básico e pela Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo no Curso de Música Antiga (oboé barroco), onde teve como professor Pedro Castro.

Tem vindo a participar em várias orquestras, entre as quais: Flores de Mvsica, Capela Real, Divino Sospiro (sob a direcção de Massimo Mazeo, Enrico Onofri, Alberto Grazzi, Chiara Bachini e Marc Hantäi), Orquestra Barroca Casa da Música (com direcção de Andrew Parrot, Laurence Cummings, Alfredo Bernardini, Andreas Staier, Riccardo Minasi e Christophe Rousset, Rachel Podger, Dmitri Sinkovsky, Paul MacCreesh), Sete Lágrimas, Músicos do Tejo, Orquestra Barroca de Sevilha e Ludovice Ensemble sob a direção de Fernando Miguel Jalôto. Realizou masterclasses com Marcel Ponseele e Alfredo Bernardini.